26 janeiro 2008

Cubalenses

01- Celso Correia
( filho do Sr. César Correia, mecânico da fazenda Caebanga.)
02- Toneco Louza, São Louza, Zé Louza (tchimboto), Tuxa e Pires
03- Antonieta Espinho e Alexandre Fonseca
04- Adriano e familia (irmão do Manecas, João, Coco, etc.)
05- Pires
*************************************************
Caro Ruca:
Saudações cordeais.
Que maravilha o nosso blog.
Vai esta modesta colaboração. Quando puder enviarei matéria escrita. Minha vida é parte em viagem, razão porque não posso ter a alegria de visitar, diariamente.
Meus nobres elogios ao teu trabalho, e claro à resposta dos nossos irmãos, que assim vão enriquecendo este blog, que já se pode considerar, uma obra prima.
Um grande abraço para ti e teus Pais.
/Fernando Pires./
*************************************
Ao Fernando H. Pires,
Saúdo esta outra participação, com excelentes testemunhos fotográficos sobre o Cubal e Cubalenses. Meu amigo continua sempre e obrigado.
Abraço
Ruca

3 comentários:

  1. Olá Fernando.
    Finalmente, soube de ti.
    Pouco a pouco, vamos sabendo de todos.
    Um grande abraço.
    Mantém-te visivel.
    Se quiseres manda-me o teu email para colocar na página que tem as nossas direcções: www.cubal.no.sapo.pt
    Henrique

    ResponderEliminar
  2. Um dos amigos que deixei no Cubal em 1969 foste tu meu caro Fernando Pires, estas fotos que aqui colocaste são óptimas para recordar os tempos que por lá passei e os momentos que convivi convosco.
    Aquele Abraço.
    Pedro Jorge

    ResponderEliminar
  3. "RUCA" ,

    Se é o Pires que andou no Colégio quero dizer que numa dada altura eu o Pires e mais uns tantos que viviamos hospedados na casa do Simões, logo na rua abaixo do colégio, ao lado da Loja Faria e sócios,( a que fiz ref.cia na fotos da Miló Carrasqueiro ), fomos para o Rio Cubal, junto á fazenda Chimbasse, num sítio, onde no tempo seco se atravessava a vau. Acontece que um dos mais miúdos caiu ao Rio, o Pires começou a gritar-lhe da margem instruções, e quando viu que ia afogar-se atirou-se e foi buscá-lo, já perto do meio da corrente, que era fortíssima, porque era tempo das chuvas! Mas, felizmente ele era muito bom nadador, com uma calma e coragem impressionantes safou-o. Para terem uma ideia chegou extenuado à margem. O miúdo que tinha praí uns 12 anos, se tanto, era salvo erro da Chicuma (?) . Acho que nunca ninguém soube disto e o Pires, que tinha fama de "fala-barato" e meio "malandreco" com as "miúdas" nunca abriu a boca! Grande PIRES....! Passaram 40 e picos anos mas eu nunca me esqueci daquele dia e da Grande Coragem dele.... UM TREMENDÍSSIMO ABRAÇO ao PIRES, (que me parece que está no Brasil, segundo me disse a minha irmã Sofia Àlvares ), da parte do Àlvares ("Fatal" )

    ResponderEliminar

Obrigado pelo contributo/comentário que será publicado brevemente.NÃO TE ESQUEÇAS DE INSERIR O TEU NOME.Abraço
Ruca