28 dezembro 2009

Mais um amigo que vem até nós Jaime Azulay e o seu blog "Morro do Sombreiro"

Estimado Ruca:
Uma agradável surpresa saber da existência do vosso blog. Fiquei encantado. Conheço bem o Cubal e arredores e o meu filho caçula é teu conterrâneo. Por isso, meu caro, se me considerar cubalense, não fiquem zangados, tenho lá parte de mim. Vou encaminhar o endereço para um compadre que está em Bissau, (...) chama-se Rui Vasco. Ele e os irmãos também são do Cubal, de uma fazenda chamada Cupa. Penso que poderão depois conhecerem-se e trocarem informações. Ele tem 47 anos de idade. Adorei o blog e prometo enviar fotos recentes do Cubal se isso ajudar em alguma coisa. Lembras-te dos pumumos, aqueles passarões, parecidos com perús e que ficavam poisados no cimo dos embondeiros? Na extensão das plantações de sisal, fiquei com essa imagem: um embondeiro entrecortado no horizonte e a silhueta de um casal de "pumumos" poisados no galho mais alto. O Cubal está a recuperar, claro que mais lento do que desejaríamos, mas mesmo assim são notórios os avanços: edifícios reabilitados, as pontes, agências bancárias, a estação do CFB, etc. Nota-se a vida a renascer.
Um grande abraço e coragem para elevarem sempre o nome do nosso Cubal.
Quando puder vá passando para o pessoal o endereço do meu blog, vão aparecer algumas novidades.

Jaime Azulay
*****

O nosso amigo Jaime Azulay, também um Cubalense, vem até nós. É com grande alegria que o recebemos . Temos assim condições para partilhar muita informação, uma vez que o Jaime acabou de lançar o seu blogue "Morro do Sombreiro - Farol Aceso de Benguela para o Mundo" que, estou certo, irá ser bem sucedido e que desde já convido todos os cubalenses e amigos a visitarem (clicando aqui) ou no seguinte endereço : http://jaimeazulay.blogspot.com/
Por coincidência, chegou-me o Semanário Angolense, via nossa amigo Prata, onde é dado o destaque ao lançamento do referido blogue e que já faz parte da minha lista de blogues.
Obrigado ao Jaime por vir até nós com a imagem bonita e bem angolana dos pumumos, descrita de uma forma que me transportou, por momentos, ao Cubal e suas paisagens.
Obrigado
Ruca
Notícia do Semanário Angolense de 26.12.2009

23 dezembro 2009

Mensagens de Natal e Ano Novo Cubalenses

Caro Cubalense,
Caso desejes, poderás inserir as mensagens natalícias e de Ano Novo no nosso Livro de Visitas, clicando aqui ou neste link: http://users2.smartgb.com/g/g.php?a=s&i=g25-38891-69
Obrigado/Ruca

Feliz Natal aos Cubalenses e amigos

NATAL DE QUEM?
.
Mulheres atarefadas
Tratam do bacalhau,
Do peru, das rabanadas.
- Não esqueças o colorau,
O azeite e o bolo-rei!
- Está bem, eu sei!
- E as garrafas de vinho?
- Já vão a caminho!
.
- Oh mãe, estou pr'a ver
Que prendas vou ter.
Que prendas terei?
- Não sei, não sei...
Num qualquer lado,
Esquecido, abandonado,
O Deus-Menino
Murmura baixinho:
- Então e Eu,
Toda a gente Me esqueceu?
.
Senta-se a família
À volta da mesa.
Não há sinal da cruz,
Nem oração ou reza.
Tilintam copos e talheres.
Crianças, homens e mulheres
Em eufórico ambiente.
Lá fora tão frio,
Cá dentro tão quente!
Algures esquecido,
Ouve-se Jesus dorido:
- Então e Eu,
Toda a gente Me esqueceu?
.
Rasgam-se embrulhos,
Admiram-se as prendas,
Aumentam os barulhos
Com mais oferendas.
Amontoam-se sacos e papeis
Sem regras nem leis.
E Cristo Menino
A fazer beicinho:
- Então e Eu,
Toda a gente Me esqueceu?
.
O sono está a chegar.
Tantos restos por mesa e chão!
Cada um vai transportar
Bem-estar no coração.
A noite vai terminar
E o Menino, quase a chorar:
- Então e Eu,
Toda a gente Me esqueceu?
.
Foi a festa do Meu Natal
E, do princípio ao fim,
Quem se lembrou de Mim?
Não tive tecto nem afecto!
Em tudo, tudo, eu medito
E pergunto no fechar da luz:
- Foi este o Natal de Jesus?!!!
.
(João Coelho dos Santos in Lágrima do Mar - 1996)
O meu mais belo poema de Natal
***************
O segredo do Natal está dentro de nós.
Reflecte e vive-o intensamente.
Para todos os Cubalenses e amigos desejos de paz e amor.
Saudações
Ruca

18 dezembro 2009

Vistas do Cubal - ano 1973

1.
1 a 3: Campo de jogos do quartel com as
Igrejas do Cubal (antiga e nova) como fundo.
2.
Ao lado esquerdo a Igreja antiga

3.
Pormenor da foto 2
4.
Quartel Militar

(ao fundo pode ver-se parte da Escola Primária 40)5.
O n/quartel, com o alf. mil. Jacob (que esteve pouco tempo e que foi substituir o alf. miliciano Salgueiro, de férias) e os Furs. mil. Ribeiro e Cunha

6.

Foto tirada de cima de uma viatura militar, com o fundo da CM do Cubal

7.

Foto tirada de cima de uma viatura militar, com o fundo da CM do Cubal

***************

Mais umas recordações do baú das memórias:

1 a 3: Campo de jogos do quartel com Igreja do Cubal como fundo.
4 e 5: O n/quartel,com o alf. mil.Jacob(que esteve pouco tempo e que foi substituir o alf. miliciano Salgueiro, de férias) e os Furs. mil. Ribeiro e Cunha
6 e 7: Foto tirada de cima de uma viatura militar, com o fundo da CM do Cubal;

Um abraço e votos de
Festas Felizes para toda a família Cubalense
José M. Simões Cunha

Fazenda Fernando Alberto - ano 1973

1
2.

3.
Estas três fotos são (julgo eu) da Fazenda Fernando Alberto que visitamos, como militares, penso que em Abril/Maio de 1973
José M. Simões da Cunha

16 dezembro 2009

Nova Ponte sobre o Rio Cubal

Aberta ponte do rio Cubal
A ponte sobre o rio Cubal da Hanha, com 130 metros de comprimento e 11 de largura, que liga Benguela ao litoral e outras províncias do país foi inaugurada ontem pelo ministro das Obras Públicas Higino Carneiro. O ministério está a trabalhar para ligar a província de Benguela ao Huambo até ao próximo ano. “Tudo foi feito nos prazos previstos, apesar de não ser fácil construir em Angola devido ao material que tem de ser importando”, disse Higino Carneiro. O Instituto Nacional de Estradas vai instalar balanças para proceder à pesagem dos camiões para proteger a ponte, que tem uma capacidade limitada. Sobre o volume de programas que estão atrasados, o ministro disse que a crise financeira mundial afectou também Angola e isso fez com que o Governo reajustasse os programas, definisse novos prazos e estabelecesse limites. “Não fizemos mais porque não tínhamos capacidade financeira para pagar os serviços”, disse Higino Carneiro. O ministro revelou que desde o início do programa de construção de pontes e estradas, já foram construídas 60 pontes definitivas de grande dimensão e mais de 300 pontes provisórias metálicas. Armando da Cruz Neto, governador da província de Benguela, disse que a ponte do Cubal da Hanha vai permitir circular com mais facilidade e as populações têm, a partir de hoje, uma ligação ao litoral e outras províncias do interior. “Estamos todos de parabéns porque esta ponte vai contribuir para o de desenvolvimento da província e para a circulação de bens e da população”. O governador anunciou que está em conclusão a estrada que liga a província de Benguela ao Huambo e a estrada marginal que liga ao Namibe, através do Dombe Grande e Lucira. Também está em vias de conclusão a estrada para a Huila por Catengue e Chongorói. “Daqui a mais algum tempo temos uma Benguela diferente a nível na rede viárias”, disse o governador.
Retrato Cubal
O Cubal é um município da província de Benguela. Tem 4.794 km² e 252 mil habitantes. Limita a Norte com o município do Bocoio, a Este com o município da Ganda, a Sul com o município de Chongoroi e a Oeste com o município de Caimbambo. É banhado pelo rio Cubal. Já foi uma potência na produção de sisal e ananás. Desempenhou um papel importante na economia da região durante o século XX, fornecendo grandes quantidades de sisal e sumo de ananás para exportação. O Caminho-de-ferro de Benguela chegou ao Cubal em 1908.(in Jornal de Angola Online) A abertura da ponte vai proporcionar maior fluidez na circulação rodoviária entre o litoral e outras províncias
Fotografia: Dombele Bernardo (Jornal de Angola Online)

Ponte sobre o Rio Cubal da Hanha, na província de Benguela
(In Portal Angop Foto Angop)
******

Aproveitando o alerta do Manuel Pessoa sobre as notícias da Inauguração da Ponte sobre o Rio Cubal e imagens cedidas há poucos dias pelo Francisco Prata, aqui fica reunida, num único post, toda a informação sobre a nova Ponte. Obrigado a todos pela participação. Saudações Ruca


1.
2.
3.
4.

Amigo Ruca,
Boa tarde.
Como prometi, aí vao algumas fotos da nova Ponte sobre o Rio Cubal.
Forte abraço.
Prata

01 dezembro 2009

Fazenda Marco de Canaveses - Membassoco

1.
Fazenda Marco de Canaveses
Particular
(...)"Fazenda que pertenceu à Companhia de Açúcar de Angola e que era conhecida por Fazenda Marco de Canaveses e cujo nome nativo era Membassoco. Ficava entre o Cubal e a Ganda, mais ou menos a 20km do Cubal. Quando se ia do Cubal para a Ganda e se chegava à estação do Marco, havia um desvio à direita da estrada principal que ia em direcção à povoação da fazenda.Antes de chegar às habitações tinha que se atravessar uma ponte sobre o rio Cubal"(...)
2.
3.
Capela/Igreja
4.
5.
6.
Recolha de tractores
Ano da Construção: 1952

7.
8.
Esta múcua apetece abri-la
**
Boa noite, Junto envio algumas fotos da minha recente viagem a Angola.Apesar de nada recordar, foi bom conhecer o local em que nasci. Gostei da profundidade do horizonte, da cor da terra e das flores.
Espero voltar em breve e fazer o périplo dos locais onde habitei - Membassoco, Huambo e Luena.
Cumprimentos,
João Pinheiro